O cadastro de Famílias permite o acompanhamento e registro completo dos dados familiares.


Através desse cadastro é possível registrar os membros e gerenciar a composição familiar atendida pelos serviços socioassistenciais. Nele é possível identificar o papel de cada membro na família, além de poder registrar outras informações inerentes a realidade familiar.

Algumas informações são coletadas por meio dos atendimentos e exibidas automaticamente no cadastro das famílias, tais como: históricos de convivência intrafamiliar, violência e violação dos direitos, medidas socioeducativaacolhimento institucional, etc.


Vale ressalvar que algumas informações do cadastro de Famílias, como vulnerabilidadesbenefícios, renda per capta, entre outras, são de suma importância para a emissão de indicadores gerenciais confiantes como o RMA.


É importante que, pelo menos, todas as famílias com o status de "em acompanhamento" nos serviços socioassistenciais possuam seus cadastros sempre atualizados, especialmente nas informações cadastrais, de endereço, data de nascimento, renda, composição familiar, vulnerabilidades, programas e benefícios, deficiências, etc.


Outro aspecto importante é o de que todas as pessoas cadastradas, que façam parte de um grupo familiar composto por um ou mais indivíduos, sejam sempre inseridas no cadastro de famílias. Mesmo que o indivíduo resida sozinho, é necessário que ele seja inserido em um cadastro de famílias.


Quando os indivíduos não são inseridos em seus respectivos cadastros de famílias alguns relatórios e indicadores que estão vinculados exclusivamente com cadastro de famílias (atendimentos, encaminhamentos, benefícios...) não são contabilizados. Por isso, para garantir que os dados apresentados nos relatórios gerenciais estejam fidedignos com os registros realizados, certifique-se sempre que o usuário atendido está vinculado em seu grupo familiar. Caso ele não esteja, é só adicionar uma nova família e inseri-lo(s) como membros.


Como realizar o cadastro de uma nova família?


Bem simples! Segue abaixo um passo a passo:


1° Passo:


Acesse: Início > Famílias:




2° Passo:


Clique no botão " + Novo ":




3° Passo:


Na tela de criação de família, existem algumas abas para preenchimento. Quanto mais informações você registrar, mais completo o cadastro ficará.


Assim como na criação de pessoas, você não precisa preencher todos os campos no momento do cadastro, em outras oportunidades é possível editar esse cadastro e alterar ou adicionar novas informações.


Segue abaixo alguns exemplos de campos existentes em cada aba:



Família 


Nesta aba, você organiza a composição familiar, identificando o papel de cada membro e também informações adicionais como:


  • Composição familiar;
  • Informações de renda;
  • Especificidades sociais, étnicas ou culturais da família;
  • Despesas mensais da família;
  • Unidades de atendimento;
  • Condições habitacionais da família.



Identificação


Nesta aba, você pode registrar informações sobre o acompanhamento da família, suas vulnerabilidades e potencialidades e o endereço da família.




Condicionalidades 


Caso a família seja beneficiária do programa Auxílio Brasil, nesta aba, você pode registrar possíveis descumprimentos de um ou mais membros da família, sobre das condicionalidades desse programa.




Programas 


Aqui você informa os Programas Sociais que a família ou algum membro participa, como: Renda Básica Emergencial, Bolsa Família, entre outros.




Convivências 


Nesta aba, você inclui informações sobre a relação da convivência intrafamiliar.




Históricos 


Nesta aba, logo após você efetuar o atendimento para a família em questão, irá constar todo o histórico de informações que você cadastrou no atendimento, como:


  • Histórico de situações de violência e violações de direitos vivenciadas pela família;
  • Histórico de acolhimento institucional ou familiar;
  • Histórico de vulnerabilidade educacional;
  • Histórico de movimentação escolar.




Saúde


Aqui você inclui informações relacionadas ao estado de saúde dos membros familiares, se apresentam problemas de saúde, presença de gestante, entre outros.



Confira na prática a criação de uma nova família no Portabilis SAS: